Webinar “Avaliação e mapeamento da biodiversidade aquática em Portugal, pressões e medidas de proteção e gestão”

Webinar “Avaliação e mapeamento da biodiversidade aquática em Portugal, pressões e medidas de proteção e gestão”

No passado dia 9 de Fevereiro, no âmbito do projeto River2Ocean, foi realizado um webinar com o tema “Avaliação e mapeamento da biodiversidade aquática em Portugal, pressões e medidas de proteção e gestão”. O presente webinar contou com as palestras “Gestão e conservação de peixes migradores anádromos num cenário de alterações climáticas”, do Professor Pedro R. Almeida da Universidade de Évora (MARE), e “Conservação da biodiversidade marinha em Portugal”, do Professor Jorge Gonçalves da Universidade do Algarve (CCMAR).

Posteriormente, ocorreu uma sessão de discussão com o contributo dos participantes. 

Cerca de 75 participantes marcaram presença via online, representando instituições do ensino superior, organizações ambientais públicas, autarquias, associações e escolas do ensino secundário.

River2Ocean organizou uma palestra sobre “Bioprospecção do potencial biotecnológico de microrganismos marinhos”

River2Ocean organizou uma palestra sobre “Bioprospecção do potencial biotecnológico de microrganismos marinhos”

No passado dia 5 de dezembro de 2022, Ana Rita Bragança, apresentou o projeto River2Ocean num evento organizado pelo Núcleo de Estudantes da Licenciatura em Ciências do Ambiente na Universidade do Minho.

A apresentação intitula-se “River2Ocean: bioprospecção do potencial biotecnológico de microrganismos marinhos”, abordando assim o potencial de microrganismos marinhos, uma vez que estes habitam em condições extremas de temperatura, salinidade, pH e pressão.

Mais informações deste evento podem ser encontradas na página de Instagram e Facebook.

River2Ocean na Conferência MicroSummit’22

River2Ocean na Conferência MicroSummit’22

A equipa do River2Ocean marcou presença no MicroSummit’22, no dia 25 de novembro de 2022. Este evento, organizado pela Sociedade Portuguesa de Microbiologia, ocorreu na Universidade Católica do Porto – Escola de Biotecnologia.

Ana Rita Bragança apresentou o artigo intitulado “Bioprospecting the biotechnological potential of marine microorganisms”.

 

Workshop Integrador das 3 Bacias Hidrográficas do Minho, Lima e Cávado

Workshop Integrador das 3 Bacias Hidrográficas do Minho, Lima e Cávado

No passado dia 22 de novembro, o Centro de Biologia Molecular e Ambiental (CBMA) organizou um workshop no âmbito do projeto River2Ocean no IB-S (Instituto de Ciência e Inovação para a Bio-Sustentabilidade) da Universidade do Minho, Campus de Gualtar, em Braga.

Este workshop ocorreu na sequência de três workshops que foram realizados entre março e abril de 2022. Estes workshops foram realizados no âmbito do projeto River2Ocean onde os participantes foram convidados a avaliar como valorizam a biodiversidade aquática presente nas bacias, assim como a gestão dos serviços dos ecossistemas.

O workshop integrador das 3 bacias hidrográficas teve o principal objetivo de consolidar os três workshops apresentando e comparando os resultados obtidos nos workshops anteriores com os resultados obtidos pela equipa do CBMA.

No workshop, estiveram presentes convidados de variadas entidades, nomeadamente de Águas do Norte, do Município de Braga, da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), CIM Alto Minho, Darque Kayak Clube de Viana do Castelo e, por fim, a AGERE.

A agenda do último workshop compreendeu duas sessões.

A primeira sessão foi iniciada pela Professora Fernanda Cássio, diretora do CBMA e coordenadora do River2Ocean, que deu as boas-vindas aos presentes, fazendo uma breve apresentação do projeto River2Ocean. Seguiu-se uma breve apresentação sobre a importância da valorização e conservação da biodiversidade aquática pela Professora Cláudia Pascoal, vice-diretora do CBMA.

De seguida, a investigadora Cláudia Carvalho-Santos apresentou os resultados dos workshops anteriores. Seguiu-se a investigadora Janeide Padilha que apresentou os serviços dos ecossistemas, quer atuais quer os cenários, nas Bacias Hidrográficas do Minho, Cávado e Lima. A fechar a primeira sessão, o investigador Luís Machado apresentou aos presentes a identificação e mapeamento da biodiversidade nos rios e na zona costeira da região do Minho.

Na segunda sessão, foi realizada uma atividade dinâmica onde os participantes foram convidados a identificar áreas críticas nas bacias hidrográficas e possíveis intervenções de restauro necessárias através de um mapeamento participativo realizado em grupos seguido de uma discussão em grupo.

Webinar “Oportunidade e desafios para os serviços dos ecossistemas dos nossos rios”

Webinar “Oportunidade e desafios para os serviços dos ecossistemas dos nossos rios”

River2Ocean apresenta resultados na 4ª Conferência Europeia da Ecosystem Services Partnership, em Heraclion, Creta, Grécia

River2Ocean apresenta resultados na 4ª Conferência Europeia da Ecosystem Services Partnership, em Heraclion, Creta, Grécia

Cláudia Carvalho-Santos, investigadora do Centro de Biologia Molecular e Ambiental (CBMA), participou na 4ª Conferência Europeia da Ecosystem Services Partnership, em Heraclion, Creta, Grécia, onde fez duas apresentações orais dos resultados do projeto River2Ocean. A primeira apresentação incidiu sobre o tema de mapeamento de serviços culturais relacionados com os rios na região do Minho, e uma segunda apresentação focou-se nos resultados dos workshops participativos com os atores locais nas 3 bacias hidrográficas (Minho, Lima e Cávado).

Catarina da Silva defendeu a sua tese de Mestrado “Mapeamento dos serviços dos ecossistemas culturais relacionados com os rios no Noroeste de Portugal

Catarina da Silva defendeu a sua tese de Mestrado “Mapeamento dos serviços dos ecossistemas culturais relacionados com os rios no Noroeste de Portugal

No passado dia 14 de dezembro de 2022, a estudante do Mestrado em Ecologia pela Universidade do Minho, Catarina da Silva, defendeu a sua tese de mestrado. A tese, intitulada “Mapeamento dos serviços dos ecossistemas culturais relacionados com os rios no Noroeste de Portugal”, foi realizada no âmbito do projeto River2Ocean e permitiu concluir que o estuário do rio Minho é a área que maior atratividade tem em termos de oferta e da procura por serviços dos ecossistemas culturais. Estes resultados poderão ajudar os gestores locais na tomada de decisão para a criação de infraestruturas de apoio ao lazer e recreação de forma a preservar a biodiversidade e os ecossistemas.